Evangelho do Dia 20210126

S. TIMÓTEO e S. TITO, bispos

 

EVANGELHO segundo São Marcos, 3, 31-35

«Quem fizer a vontade de Deus
esse é meu irmão, minha irmã e minha Mãe»

Nem a família de Jesus parece ter, a princípio, compreendido, em toda a profundidade, a sua pessoa e a sua missão. Mas Jesus, sem negar em nada os laços do sangue, proclama a profundidade ainda maior do parentesco espiritual, fruto da comunhão com a vontade de Deus. Por esta comunhão espiritual todos são chamados a entrar na família do Senhor.

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Marcos

Naquele tempo, chegaram à casa onde estava Jesus, sua Mãe e seus irmãos, que, ficando fora, O mandaram chamar. A multidão estava sentada em volta d’Ele, quando Lhe disseram: «Tua Mãe e teus irmãos estão lá fora à tua procura». Mas Jesus respondeu-lhes: «Quem é minha Mãe e meus irmãos?» E, olhando para aqueles que estavam à sua volta, disse: «Eis minha Mãe e meus irmãos. Quem fizer a vontade de Deus esse é meu irmão, minha irmã e minha Mãe».


Passo a Rezar

CATECISMO

764. «Este Reino manifesta-se aos homens na palavra, nas obras e na presença de Cristo» (166), Acolher a palavra de Jesus é «acolher o próprio Reino» (167). O germe e começo do Reino é o «pequeno rebanho» (Lc 12, 32) daqueles que Jesus veio congregar ao seu redor e dos quais Ele próprio é o Pastor (168). Eles constituem a verdadeira família de Jesus (169). Aqueles que assim juntou em redor de si, ensinou uma nova «maneira de agir», mas também uma oração própria (170).

 

ORAÇÃO
DOS
CAVALEIROS E DAS DAMAS

 

Senhor Jesus Cristo,
pelas Vossas cinco chagas, que trazemos nas nossas insígnias,
nós Vos suplicamos.

Concedei-nos a força de amar todos quantos o vosso Pai criou
e, mais ainda, os nossos inimigos.

Libertai a nossa alma e o nosso coração
do pecado, da intolerância, do egoismo e da cobardia
para que sejamos dignos do Vosso sacrifício.

Fazei descer sobre nós,
Cavaleiros e Damas do Santo Sepulcro, o Vosso Espírito,
para que nos torne convictos e sinceros embaixadores
de paz e amor entre os nossos irmãos e irmãs e, principalmente
entre todos aqueles que pensam que não acreditam em Vós.

Concedei-nos a Fé
para enfrentar todos os problemas do dia a dia
e para merecermos chegar, um dia,
humildemente e sem temor,
à Vossa presença.

Ámen


.


TERÇA-FEIRA, 26 de JANEIRO de 2021


 Saiba mais sobre a OCSSJ em www.santosepulcro-portugal.org

Ordem de Cavalaria do Santo Sepulcro de Jerusalém
Rua do Alecrim, 72 - R/C Dt.º
1200-018 LISBOA - PORTUGAL
Telef: + 21-3426853 - Fax: + 21-3474350
e-mail: oessjp@sapo.pt ou ocssjp@sapo.pt

 


Evangelho do Dia 20210126

S. TIMÓTEO e S. TITO, bispos

 

EVANGELHO segundo São Marcos, 3, 31-35

«Quem fizer a vontade de Deus
esse é meu irmão, minha irmã e minha Mãe»

Nem a família de Jesus parece ter, a princípio, compreendido, em toda a profundidade, a sua pessoa e a sua missão. Mas Jesus, sem negar em nada os laços do sangue, proclama a profundidade ainda maior do parentesco espiritual, fruto da comunhão com a vontade de Deus. Por esta comunhão espiritual todos são chamados a entrar na família do Senhor.

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Marcos

Naquele tempo, chegaram à casa onde estava Jesus, sua Mãe e seus irmãos, que, ficando fora, O mandaram chamar. A multidão estava sentada em volta d’Ele, quando Lhe disseram: «Tua Mãe e teus irmãos estão lá fora à tua procura». Mas Jesus respondeu-lhes: «Quem é minha Mãe e meus irmãos?» E, olhando para aqueles que estavam à sua volta, disse: «Eis minha Mãe e meus irmãos. Quem fizer a vontade de Deus esse é meu irmão, minha irmã e minha Mãe».


Passo a Rezar

CATECISMO

764. «Este Reino manifesta-se aos homens na palavra, nas obras e na presença de Cristo» (166), Acolher a palavra de Jesus é «acolher o próprio Reino» (167). O germe e começo do Reino é o «pequeno rebanho» (Lc 12, 32) daqueles que Jesus veio congregar ao seu redor e dos quais Ele próprio é o Pastor (168). Eles constituem a verdadeira família de Jesus (169). Aqueles que assim juntou em redor de si, ensinou uma nova «maneira de agir», mas também uma oração própria (170).

 

ORAÇÃO
DOS
CAVALEIROS E DAS DAMAS

 

Senhor Jesus Cristo,
pelas Vossas cinco chagas, que trazemos nas nossas insígnias,
nós Vos suplicamos.

Concedei-nos a força de amar todos quantos o vosso Pai criou
e, mais ainda, os nossos inimigos.

Libertai a nossa alma e o nosso coração
do pecado, da intolerância, do egoismo e da cobardia
para que sejamos dignos do Vosso sacrifício.

Fazei descer sobre nós,
Cavaleiros e Damas do Santo Sepulcro, o Vosso Espírito,
para que nos torne convictos e sinceros embaixadores
de paz e amor entre os nossos irmãos e irmãs e, principalmente
entre todos aqueles que pensam que não acreditam em Vós.

Concedei-nos a Fé
para enfrentar todos os problemas do dia a dia
e para merecermos chegar, um dia,
humildemente e sem temor,
à Vossa presença.

Ámen


.


TERÇA-FEIRA, 26 de JANEIRO de 2021


 Saiba mais sobre a OCSSJ em www.santosepulcro-portugal.org

Ordem de Cavalaria do Santo Sepulcro de Jerusalém
Rua do Alecrim, 72 - R/C Dt.º
1200-018 LISBOA - PORTUGAL
Telef: + 21-3426853 - Fax: + 21-3474350
e-mail: oessjp@sapo.pt ou ocssjp@sapo.pt

 

Actualize a informação sobre a Ordem de Cavalaria do Santo Sepulcro de Jerusalém
e sobre a Terra Santa, através do site da Lugar-Tenência de Portugal.

Tel: +351 213 426 853

Fax: +351 213 474 350

Rua do Alecrim, 72 -R/CDto. 1200-018 Lisboa

© Ordem de Cavalaria do Santo Sepulcro de Jerusalém

Desenvolvido por:

Web design por:


Actualize a informação sobre a Ordem de Cavalaria do Santo Sepulcro de Jerusalém
e sobre a Terra Santa, através do site da Lugar-Tenência de Portugal.


Tel: +351 213 426 853


E-mail: oessjp@sapo.pt


Fax: +351 213 474 350


Rua do Alecrim, 72 -R/CDto. 1200-018 Lisboa

© Ordem de Cavalaria do Santo Sepulcro de Jerusalém

Desenvolvido por:

Web design por: